Retenção prolongada


As crianças possuem 20 dentes de leite, também chamados de dentes decíduos. Os dentes decíduos começam a surgir em torno dos seis meses de idade e servem como guia para o nascimento dos dentes permanentes, ajudam a manter o equilíbrio da estrutura da face e proporcionam uma melhor mastigação dos alimentos. Depois, a troca pelos dentes permanentes inicia-se aos 6 anos e termina por volta dos 12 anos de idade. Entretanto, é frequente os pais encontrarem os dentes permanentes nascendo na boca de seus filhos, sem que o dente decíduo tenha caído. Ou seja, um dente nasce atrás do outro e isso se chama retenção prolongada.

Quando o dente decíduo continua na cavidade bucal, o permanente nasce na posição errada, encavalando um no outro, comprometendo a higienização, levando ao quadro de gengivite (inflamação das gengivas) e gerando grande desconforto quando a criança escova os dentes e se alimenta. A consulta com odontopediatra é indispensável para solucionar esse problema principalmente para que não resulte em danos à oclusão normal.

Gostou? Compartilhe com os amigos!